#LBFF 7 – Syaz estabelece recorde e Fluxo lidera

Craque do Fluxo e revelação de 2021, Syaz estabeleceu um novo recorde na LBFF: 20 abates em uma única rodada; Fluxo lidera competição

Rodada noturna na LBFF. E talvez Syaz seja uma daquelas pessoas que funcionam melhor durante a noite. Nada mais explica o desempenho da estrela do Fluxo, que estabeleceu um novo recorde: 20 abates em uma única rodada. Mas não é somente Syaz que assusta: Ousado também vem acumulando abates e promete uma briga interna pelo MVP da temporada. O Fluxo nem precisou de Booyahs para liderar a noite. Foram 90 pontos e, como resultado, a liderança isolada na tabela.

Quem também teve um desempenho notável na noite de segunda-feira foi o BD Vasco. O time que encantou na Série B garantiu a dobradinha da rodada e somou 72 pontos, o suficiente para assumir a quarta colocação da tabela, logo atrás da GOD Unidas. Os Deuses sofreram um pouco no início da noite, mas logo se recuperaram, garantiram mais um Booyah e assumiram a terceira colocação atrás da imponente Vivo Keyd.

Do outro lado da tabela, a LOUD teve uma rodada cheia de altos e baixos. Ainda assim, o Booyah e os 54 pontos dão certa tranquilidade para uma equipe que tem um elenco experiente e cheio de potencial. Por fim, quem amarga a lanterna é o Real e-Sports. As disputas de call com a Liberty não estão sendo boas pra nenhuma das equipes é possível que as estratégias mudem nas próximas rodadas.

syaz-fluxo-lbff-7-rodada-3

Veja abaixo um pequeno resumo das quedas disputadas entre os Grupos B e C no terceiro dia de LBFF 7.


Queda 1 – Purgatório

BOOYAH: Magic Squad (23 pontos)
MVP:
Bueno (4 abates)

As coisas começaram calmas em Purgatório. LOUD e Corinthians fizeram o primeiro duelo da noite e o Timão não tomou conhecimento da atual vice-campeã mundial, que não começou a sétima temporada com o pé direito. Logo em seguida, foi a vez de Los Grandes e 00 Nation resolverem as coisas na bala, ou melhor, na granada. A Onda Laranja mostrou que os estreantes não vão ter vida fácil na LBFF.

As coisas começaram a esquentar no fechamento da terceira zona segura. O Corinthians começou a rodada inspirado e começou a acumular abates, mas não resistiu à pressão imposta pelo Magic Squad. O Booyah parecia encaminhado para um Fluxo ainda não tão agressivo quanto o visto no sábado, mas GodKill fez valer a lei do ex e garantiu a primeira vitória do MS.

https://twitter.com/FFesportsBR/status/1490830932328263681

Queda 2 – Kalahari

BOOYAH: LOUD (20 pontos)

As coisas demoraram para esquentar em Kalahari. O primeiro squad wipe veio somente aos nove minutos, algo fora dos padrões do mapa, quando Peczin buscou o último dos moicanos do Real.

A LOUD chegou em Kalahari determinada a iniciar sua jornada de recuperação. Nem mesmo o show de Syaz e JapaBKR foi capaz de frear o ímpeto da equipe do hype, que garantiu seu primeiro Booyah ao aproveitar bem sua vantagem numérica e de posicionamento para eliminar Fluxo e Magic Squad, que ousava sonhar com uma dobradinha.

https://twitter.com/FFesportsBR/status/1490838107050160128

Queda 3 – Bermuda

BOOYAH: Los Grandes (20 pontos)
MVP: Syaz (8 abates)

O mapa mais clássico do Free Fire rapidamente virou palco de mais um duelo entre Liberty e Real. O Real acabou novamente em maus lençóis e precisou ir descansar no lobby – chegou a hora de rever algumas estratégias para a segunda metade da rodada? Logo em seguida, Magic Squad e Fluxo alimentavam a mais nova rivalidade da Série A – dessa vez, Syaz resolveu não dar chances para os novatos.

O Fluxo voltou a mostrar toda sua agressividade. Syaz sequer deixou os amiguinhos brincarem e não demorou a recuperar o topo da disputa pelo MVP. 00 Nation e Vasco rapidamente viraram números para o MVP da LBFF 5 e seu novo parceiro, Ousado.

E eles pareciam imparáveis. A Liberty também entrou na conta e, em um ato quase milagroso, Syaz mandou três jogadores da Tropa para o lobby antes de garantir a quinta colocação para a equipe. Mesmo distante do Booyah, o Fluxo liderou a queda com 22 pontos. Syaz foi responsável por oito abates e nesse momento o Fluxo já assumia a liderança do ranking de eliminações.

A decisão da queda se tornou quase secundária após o show, mas ficou entre Los Grandes e LOUD, que queria sair da rodada noturna com uma dobradinha. Mas Gus estava inspirado, e garantiu um Booyah que permitia a Onda Laranja respirar com tranquilidade.

https://twitter.com/FFesportsBR/status/1490844439732002817

Queda 4 – Purgatório

BOOYAH: GOD Unidas (24 pontos)
MVP:
Rigby245 (5 abates)

Adivinha quais times abriram as trocações da queda? Liberty e Real estavam empenhadas em disputar as calls, mas acabaram nas mãos da equipe mais agressiva da temporada até aqui. O resto é história.

Algumas revividas depois, nos encaminhamos para a decisão da queda e tudo aconteceu rapidamente. A GOD Unidas conseguiu acertar novamente a rotação e teve paciência para avançar gelo por gelo, cover por cover, e levar a Meta Gaming e a 00 Nation de maneira impressionante, mesmo em clara desvantagem de posicionamento.


Queda 5 – Kalahari

BOOYAH: BD Vasco (27 pontos)
MVP:
Chucky (5 abates)

Los Grandes e LOUD não duraram muito na segunda passagem por Kalahari. O Vasco, bem posicionado e auxiliado pelo Fluxo, mandou ambas as equipes de volta pro lobby e mostrou que não chegou na elite por coincidência.

E eles chegaram empolgados na disputa pelo Booyah. Eram 13 abates até encararem a Meta Gaming, triunfarem e finalmente inaugurar a contagem de Booyahs na Série A e provar a força de um time que conquistou a Série B e encantou.

https://twitter.com/FFesportsBR/status/1490859543290601473

Queda 6 – Bermuda

BOOYAH: BD Vasco (17 pontos)
MVP:
Kroonos (5 abates)

Chegamos à última queda da primeira semana de LBFF 7. As coisas começaram muito quentes em Clock Tower, palco de um confronto bonito entre Meta e 00 Nation. A experiência da Meta Gaming foi decisiva para uma incrível reviravolta com direito a bandeirão – será que vem vingança nas próximas rodadas?

Pra terminar a noite em grande estilo, um show de trocações. Liberty e Real alimentaram mais um pouco a rivalidade – alguém se lembra dos incessantes duelos entre Santos e B4 há duas temporadas? Dessa vez, melhor pro Real, que deixou a Liberty ir descansar mais cedo.

O Fluxo adotou um estilo mais estratégico na queda de encerramento. Visando a liderança da primeira semana, a equipe de Syaz queria fechar a segunda-feira com chave de ouro, mas parou nas mãos do empolgado BD Vasco que vinha para o segundo Booyah. E a equipe Cruzmaltina conseguiu. Por mais que Ousado e Kroonos tentassem um milagre, e Kroonos quase conseguiu ao praticamente parar o tempo, era noite do Gigante da Colina, era noite de dobradinha.

https://twitter.com/FFesportsBR/status/1490865911586242565

Classificação

Com o fim da terceira rodada, a classificação ficou assim:

fluxo-lidera-rodada-3-lbff-7

Com rodadas triplas transmitidas em tv aberta e fechada, a série A da LBFF 7 volta no próximo sábado, 12 de fevereiro, a partir das 13h (horário de Brasília). Acompanhe ao vivo no canal oficial de Esports no YouTube e nos perfis no TikTokFacebookInstagram e Twitter, siga a hashtag oficial #LBFF.

Categorias: Destaques, Free Fire, LBFF, Série A
Tags: , , ,