Los Grandes - LBFF 6

Booyah! – A provação da Los Grandes

A Los Grandes nunca abaixa a cabeça, mas precisará se superar na Grande Final para sonhar com o título após uma temporada de provações.

Depois de uma dura temporada na Série B da LBFF 4, a Los Grandes ainda não encontrou seu espaço de volta na elite do Free Fire. Renovada, uma das equipes mais tradicionais do cenário passa por um momento delicado e, apesar de um início arrasador na temporada, precisa provar que tem bala pra estar entre os grandes na Grande Final.


Posição: 11º lugar
Pontos: 540
Booyah!: 5
Abates: 241
Pontos por colocação: 299
Destaque: El Gus


Rodada a rodada

O quarto melhor desempenho na rodada de abertura abriu um sorriso e encheu o coração da torcida de esperança. A chegada de alguns dos nomes mais respeitados do cenário balançaram as estruturas do Free Fire e a expectativa era alta. Mas afinal, as renovações dariam certo? A segunda rodada jogou um balde de água fria na comunidade, mostrando que ainda era necessária certa adaptação da equipe e que o técnico Cauan teria trabalho em encontrar o entrosamento perfeito. Mas como um milagre, a Los Grandes emplacou três rodadas incríveis e chegou a assumir a vice-liderança da sexta temporada.

Só que a felicidade durou pouco. As mudanças no meta escancararam a fragilidade de uma equipe que, mesmo com grandes nomes, não conseguia colocar todo seu potencial dentro dos servidores. A reta final trouxe medo e a classificação chegou a ser ameaçada: desde a sétima rodada a equipe não supera a marca dos 50 pontos, além de permanecer 10ª ou 11ª posição ao longo das últimas seis rodadas que disputou.

Por fim, a classificação veio. Mas sem bonificação para a disputa do título, a Los Grandes tem muito a responder para sua torcida e busca reconquistar o espaço que um dia foi seu na elite nacional.

Mapa a mapa

los-grandes-lbff-6-stats3

O terceiro melhor desempenho em Kalahari, com 98 abates e 237 pontos, contrasta diretamente com o pior desempenho em Bermuda entre os finalistas: apenas 155 pontos. Além disso, o terceiro pior desempenho dentre os finalistas em Purgatório, com 148 pontos, mostra um time que precisa melhorar em diversos aspectos se deseja brigar pelo título.

Mas o que falta? O ponto fraco da Onda Laranja parece ser estratégico. Dos 540 pontos somados ao longo da etapa classificatória, apenas 299 vieram de pontos por colocação, pior marca entre os classificados e quinta pior da temporada. Além disso, o time quase não briga por Booyah!, e os cinco conseguidos ao longo da primeira etapa não chegam perto ao potencial de uma equipe cheia de estrelas.

As estrelas da Los Grandes

los-grandes-lbff-6-stats2

A chegada de Cebolinha e mvR! mexeram com a comunidade. São dois nomes experientes e que se destacaram pelos times que passaram. Além disso, Mamute permaneceu na equipe após ser o grande destaque da Onda Laranja na quinta temporada. Mas o grande nome da temporada foi Gus, que pouco havia mostrado na história da LBFF.

Durante a grande fase da equipe no início da temporada, o craque chegou a rivalizar com Mts007 na briga pela coroa de MVP. Mas quando o desempenho da Onda Laranja caiu, Gus foi junto. Ainda assim, os 89 abates em 72 quedas mostram um jogador que pode ser o grande diferencial em um título milagroso.

O que esperar da Grande Final

Buscando reconquistar seu espaço, a Los Grandes não tem nada a perder na Grande Final. Chegando zerada na disputa do título, a equipe terá uma árdua tarefa se quiser sonhar, mas tem um elenco experiente e capaz de surpreender.


Por fim, a Grande Final acontece no próximo sábado, dia 30 de outubro. A final da LBFF marca também o lançamento de um novo canal no YouTube focado em Esports, onde os fãs poderão acompanhar todas as lives e conteúdos sobre as séries A, B e C da LBFF, Mundial (FFWS) e outros eventos competitivos de Free Fire. 

A decisão também terá transmissões no canal oficial de Free Fire no YouTube, na BOOYAH!, plataforma de streaming da Garena, no TikTok e, pela primeira vez, no canal de TV a cabo SPACE, a partir das 13h (horário de Brasília). Parte da WarnerMedia do Brasil, o canal SPACE, lançado em 2008, possui conteúdo de entretenimento e produções originais, além de grandes eventos esportivos.

Acompanhe a LBFF por meio dos perfis no FacebookInstagramTwitter e TikTok, além do novo canal de Free Fire Esports no YouTube.
Clique aqui para acessar as

Categorias: Destaques, Free Fire, LBFF, Série A
Tags: , , ,