FURIA-lbff

FURIA vive – Panteras lideram rodada marcada por três dobradinhas

Depois de amargar a lanterna da competição por diversas rodadas, FURIA surpreende e lidera domingo marcado por três dobradinhas

Uma rodada completamente atípica na Liga Brasileira de Free Fire. A 14ª rodada da competição ficou marcada por três dobradinhas, conquistadas por três das equipes mais clássicas do cenário nacional. O grande destaque foi a FURIA. Os Panteras vêm mostrando uma mentalidade completamente diferente nesta segunda metade de campeonato e parecem decididos a fugir do rebaixamento direto. É importante ressaltar que eles ainda têm chances de classificação para a Grande Final, mesmo que isso dependa de um fim de temporada avassalador.

Além dos dois Booyahs, a FURIA garantiu 32 abates, sendo 22 nas mãos de Gusta e BielGod, e chegou aos 72 pontos, mesma marca da Vivo Keyd que, mesmo sofrendo com alguns altos e baixos na temporada, mostra que é uma séria candidata ao título. Os Guerreiros tiveram um dia consistente e também garantiram duas vitórias ao longo da rodada, mas ficaram atrás dos Panteras em quantidade de abates, critério de desempate.

O Corinthians completa a lista de dobradinhas. Com 68 pontos, o Timão vem mostrando toda sua consistência ao longo da temporada e já ocupa a vice-liderança, porém tem uma rodada a mais que seus principais adversários na tabela.

Por outro lado, a Meta Gaming sofreu um apagão na tarde deste domingo e somou apenas 17 pontos, saindo momentaneamente da zona de classificação – é hora da equipe ligar o sinal de alerta.

Por fim, Cauan7 se tornou o primeiro jogador a alcançar a marca de 400 abates na história da competição e vem se consolidando cada vez mais como um dos maiores de todos os tempos.

destaques-rodada-14-furia

Confira um breve resumo das quedas válidas pela 14ª Rodada da LBFF 6, disputada entre os Grupos A e C.

Queda 1 – Purgatório

BOOYAH – Vivo Keyd: +19 pontos
Tropa: +17 pontos / Nitroxx Top10: +16 pontos

O comandante começou o domingo de forma democrática, permitindo que todos chegassem tranquilamente em suas calls. As trocações logo começaram, entre duas equipes que vêm brigando constantemente em suas rotações: FURIA e Meta. Além disso, a Tropa era uma constante ameaça no horizonte, tentando pescar alguma eliminação oportuna. A Meta rapidamente deu adeus à primeira queda do dia e a FURIA mostrou que chegou querendo fugir da zona de rebaixamento.

A Asa Sul de Brasília se tornou o metro quadrado mais caro de Purgatório. Diversos times disputavam o espaço e até a danger deu as caras, quase fazendo a Tropa de vítima. A Vivo Keyd soube trabalhar suas rotações e a entrada da zona segura: com vantagem numérica, os atuais campeões foram eliminando seus adversários: primeiro a Tropa e, logo em seguida, a Nitroxx Top10. Depois de um sábado contestável, os Guerreiros garantiram o primeiro Booyah do dia e mandaram a pergunta pra torcida: o campeão voltou? Moreira foi o grande destaque da queda, com seis abates para a Tropa.

Queda 2 – Kalahari

BOOYAH – Corinthians: +20 pontos
TSM FTX : +16 pontos / LOUD: +12 pontos

Kalahari começou com a Meta se envolvendo novamente na trocação inicial, desta vez contra a LOUD. Mas a Meta se deu bem e conseguiu eliminar Cauan, provocando a fuga do time do hype. O primeiro squad wipe aconteceu logo em seguida, quando a TSM FTX mandou a Tropa para o lobby. Outro estreante que não se deu bem foi o Bonde, que sofreu com um sanduíche da Vivo Keyd e da LOUD – assim fica difícil fugir, né?

A decisão do Booyah! ficou entre TSM FTX e Corinthians. O Timão conseguiu se recuperar de uma queda sofrível em Purgatório e garantiu a primeira vitória no dia e seu primeiro Booyah em Kalahari na temporada. O destaque foi Nappon, da TSM, que garantiu quatro abates.

Queda 3 – Bermuda

BOOYAH – Vivo Keyd: +19 pontos
LOUD: +16 pontos
/ Team Coda Solid: +12 pontos

O mapa mais clássico do Free Fire começou com uma bela trocação entre Nitroxx Top10 e Real e-Sports, que vive um drama contra o rebaixamento. Melhor pro Real, que garantiu um belo squad wipe em uma reviravolta estrelada por VM7 e sua chuva de granadas.

A Vivo Keyd conseguiu uma entrada rápida na zona segura e General brilhou, eliminando os jogadores restantes do Corinthians com suas granadas – que aparentemente ainda estão bem no meta. Melhor posicionados e em vantagem numérica, os Guerreiros eliminaram a LOUD para garantir a dobradinha. O destaque é Cauan7, da LOUD, que garantiu cinco eliminações e vem liderando sua equipe em mais uma rodada consistente.

Queda 4 – Purgatório

BOOYAH – FURIA: +23 pontos
B4: +13 pontos / Corinthians: +12 pontos

A Vivo Keyd se beneficiou novamente de uma bela zona azul em sua call – seria Trap Blue um clubista?

A Meta Gaming parece estar gostando de se envolver em trocações iniciais. O duelo da vez foi contra a Tropa, que não resistiu à pressão de uma equipe que luta para se manter entre os classificados para a Grande Final. Logo em seguida, FURIA e Real fizeram um confronto direto na briga contra o rebaixamento: os Panteras se deram bem, deixando apenas VM7 vivo para tentar um pequeno milagre.

Purgatório foi relativamente tranquilo, mas a tensão sempre esteve no ar. Aos 15 minutos de queda, 8 times ainda permaneciam de pé e as trocações prometiam. A Liga Brasileira não decepciona nessas horas: tudo aconteceu de forma rápida, os times de pé fizeram suas rotações rapidamente, tentando punir os adversários. B4 e Corinthians fizeram um emocionante confronto – os Bastardos não queriam abrir mão da liderança, mesmo com uma rodada de vantagem. Mas o duelo custou caro para os líderes, que não conseguiram se manter bem depois de eliminarem o Timão.

FURIA e Team Coda Solid decidiram a segunda passagem por Purgatório. Os Panteras levaram a melhor e, logo em seguida, atropelaram o Bonde para garantir um belo Booyah e sair da zona de rebaixamento. BielGod foi o grande destaque, garantindo seis importantes abates para a FURIA.

https://twitter.com/FFesportsBR/status/1447263961485881345

Queda 5 – Kalahari

BOOYAH – Corinthians: +18 pontos
TSM FTX: +15 pontos / Real e-Sports: +13 pontos

Não querendo deixar a FURIA abrir uma grande vantagem de pontos, o Real e-Sports foi logo mandando a Nitroxx Top10 de volta pro lobby logo no início da segunda passagem por Kalahari – seria um replay da primeira passagem por Bermuda? O Real não estava para brincadeira e ainda fizeram a Team Coda Solid de vítima, somando oito abates logo no início da queda.

FURIA e LOUD fizeram um duelo incrível, temperado por uma danger ameaçadora. Os Panteras garantiram um belo squad wipe, mas perderam dois de seus jogadores e precisariam de um milagre para conseguir uma boa colocação e assumirem a liderança da rodada.

A zona segura escolheu Submarino como palco da decisão, o que complicou a rotação de diversas equipes. Os abates subiram rapidamente, até que TSM FTX e Corinthians repetiram o confronto da segunda queda do dia pelo Booyah. Assim como na primeira passagem por Kalahari, o Corinthians não deu chances para os estreantes e garantiram a vitória, se tornando o time com o maior número de Booyah! da temporada. Fon, do Real, e Ousado, do Corinthians, foram os destaques da queda, com três abates cada. Além disso, Cauan7 chegou à marca de 400 abates na história da LBFF e se tornou o maior de todos os tempos.

Queda 6 – Bermuda

BOOYAH – FURIA: +19 pontos
B4: +17 pontos / Tropa: +13 pontos

Em sua tentativa quase desesperada de se manter fora da zona de rebaixamento, o Real e-Sports deu de cara logo com os líderes do campeonato, que não vinham tão bem e ainda queriam garantir uma gordurinha para se manterem tranquilos no topo da tabela. Depois de um início mais agitado, Bermuda foi bem tranquila, com todos buscando bons recursos e rotações seguras.

15 minutos e 10 times vivos – a receita perfeita para um final emocionante. Os Bastardos pareciam decididos a garantir outro Booyah na queda derradeira e fizeram Nitroxx Top10 e Corinthians de vítimas. Mas a pressão era muita e eles falharam em sua missão, mesmo continuando tranquilos na liderança da temporada. Tudo foi resolvido entre a FURIA e a Tropa em um duelo insano e justo. E os Panteras, que parecem outra equipe nesta segunda etapa do campeonato, garantiram um belíssimo Booyah para se afastar da zona da degola.

Classificação

Após a 14ª rodada, a classificação da LBFF 6 ficou assim:

A LBFF 6 volta nesta segunda, dia 11 de outubro, a partir das 19h (horário de Brasília). Você pode acompanhar as transmissões simultâneas no YouTubeBOOYAH e também no Facebook. Não esqueça de conferir também o nosso Boletim da Série B da LBFF 6!

Agora os fãs podem acompanhar a LBFF pelo perfil no TikTok, além dos perfis no FacebookInstagram Twitter. Clique aqui para acessar as fotos oficiais da competição e, para mais novidades, siga a hashtag oficial #LBFF no Twitter.

Free Fire pode ser baixado pela App Store e Google PlayStore.

Categorias: Destaques, Free Fire, LBFF, Série A
Tags: , ,