LOUD-LBFF-6

Análise da Jogada – LOUD em: O Bandeirão foi Cobrado

A análise da jogada desta semana traz a LOUD cobrando o bandeirão da FURIA após uma reviravolta espetacular protagonizada por Will e Cauan7.

A análise da jogada dessa semana tem como protagonista a LOUD, que conseguiu reverter uma jogada muito desfavorável sobre a FURIA. Tudo aconteceu durante a última queda de domingo (03), quando os grupos B e C se enfrentaram. Iremos mostrar como a tropinha conseguiu reverter um desfavorável 2×4 contra a FURIA. Pega sua pipoca e vem conferir a análise da semana.

Construção da jogada

Riverside, Bermuda. A LOUD ainda limpava o cano de suas armas após um confronto tenso contra a Onda Laranja, onde acabara de sair vitoriosa. Noda estava eliminado, uma baixa significativa. Os Panteras, oportunistas, mais pareciam hienas atrás de carniça, aguardando o momento certo para dar o bote. Eles apenas espreitavam, aguardando a conclusão de um confronto onde o Deus do Tempo, Kroonos, fez a diferença. Seria um ataque sorrateiro, controlado, preciso.

A FURIA avançou. Enquanto Will e Cauan7 conseguiram fugir para baixo da represa, Kroonos tentou manipular novamente o tempo e neutralizar o avanço – sem sucesso. Eram presas fáceis, o bote havia sido dado. Will estava fragilizado pela queda, entre a vida e o lobby. A vantagem da FURIA não era apenas numérica, mas também de posicionamento. Ambas começaram um trabalho de reconhecimento, granadas tomaram o céu de Bermuda e uma remontada estava em construção.

LOUD revida em cima da FURIA e acaba com a equipe

A jogada da LOUD mostra a força de um trabalho em conjunto. A dupla sobrevivente realizou um contra-ataque extremamente coordenado: enquanto Cauan7 lançava suas granadas, Will fazia o rush. Eles já não tinham nada a perder, era inimaginável uma reviravolta e essa parecia ser a melhor alternativa, a única solução. Will foi rápido em sua movimentação e conseguiu eliminar Memgod. Assustada, a FURIA tremeu e recuou. A situação melhorou para a LOUD após o momento de indecisão dos adversário. Percebendo isso, Will conseguiu uma boa posição e levou BielGOD – toda a vantagem dos Panteras havia desabado.

Ratiin tentou reverter a situação, mas acabou sendo emboscado pela dupla do hype – o 2×4 se tornou um 2×1. Assustado, GUSTA não tinha muitas opções e tentou fugir. Presa fácil, foi perseguido e rapidamente eliminado. O Bandeirão das rodadas anteriores estava vingado e a LOUD abriu caminho para conquistar o terceiro lugar na queda e fechar o domingo com chave de ouro.

Lições aprendidas

Toda a jogada foi um prato cheio de lições. A FURIA foi extremamente esperta em aguardar o fim do confronto entre LOUD e Los Grandes, tentando surpreender a tropinha que estava se reorganizando, reestabelecendo a comunicação e se curando – era a hora perfeita para um avanço. Além disso, a perseguição foi muito bem executada, mesmo sem a certeza do posicionamento de Will.

Mas a LOUD foi melhor. A coordenação entre as granadas e o rush de Will foi perfeita. O que veio a seguir foi uma sequência de acontecimentos infelizes para os Panteras, um reflexo da má fase da equipe. O principal erro da FURIA foi avançar separadamente, com os jogadores se agarrando à oportunidades individuais que apareciam. Nesses momentos, o ataque em conjunto é essencial.

“Um animal acuado ataca para se defender”. Foi isso que a LOUD fez; a equipe já não tinha mais nada a perder e foram lendo o jogo até conseguirem neutralizar todo mundo.

Não perca a LBFF 6

A LBFF 6 volta no próximo sábado, dia 09 de outubro, a partir das 13h (horário de Brasília). Você pode acompanhar as transmissões simultâneas no YouTubeBOOYAH e também no Facebook. Enquanto isso, acompanhe nosso Boletim da Série A.

Agora os fãs podem acompanhar a LBFF pelo perfil no TikTok, além dos perfis no FacebookInstagram Twitter. Clique aqui para acessar as fotos oficiais da competição e, para mais novidades, siga a hashtag oficial #LBFF no Twitter.

Baixe Free Fire na App Store e Google PlayStore.

Categorias: Destaques, Free Fire, LBFF, Série A
Tags: ,