los-grandes-lbff-6

Los Grandes garante dobradinha e Fluxo assume a liderança

A Los Grandes fez um desempenho consistente ao longo das seis quedas da quarta rodada; Fluxo assume a liderança da LBFF 6

Mais um fim de semana chega ao fim, tropa! Um dia depois de amargar o pior desempenho da rodada, a Los Grandes mostrou seu potencial e foi o destaque da quarta rodada. De quebra, a Onda Laranja assumiu a quarta colocação da tabela geral. Com direito à dobradinha ao longo das seis quedas, a equipe somou 73 pontos e acumulou 31 abates. Além disso, Gus é o grande destaque do time, somando 11 eliminações na tarde deste domingo.

Novamente o Fluxo fez um bom início de rodada. Os reis de Kalahari garantiram mais um Booyah no mapa mais quente do Free Fire na segunda queda do dia. A equipe de Nobru não conseguiu manter o desempenho durante o resto do domingo, mas finaliza a semana com a liderança, colhendo os frutos dos bons desempenhos até aqui.

Também vale destacar a excelente rodada da Nitroxx Top10, segunda melhor pontuadora. A NT10 parece ter se habituado à Série A, conseguiu impor seu ritmo de jogo e chegou aos 30 abates e 62 pontos na rodada. Por outro lado, a Netshoes Miners continua devendo. Com a pior pontuação do domingo, o desempenho não condiz com seu potencial após tantas contratações importantes.

los-grandes-rodada-4

Veja abaixo um pequeno resumo das quedas disputadas entre os Grupos B e A.

Queda 1 – Purgatório

BOOYAH: Los Grandes (+26 pontos)
Bonde: +16 pontos / Amazon Cripz: +11 pontos

A Netshoes Miners abriu Purgatório com um capa de qualidade de Broilo. No entanto, esse acabou sendo o único momento marcante deste começo de queda, que se manteve mais tranquila com as equipes priorizando a coleta de recursos e boas rotações. 

Foi a SS E-sports que conquistou o primeiro squad wipe. Ao aproveitar sua vantagem numérica, o Suicide Squad deu muito dano com suas granadas para depois mandar os jogadores da TSM FTX direto para o lobby. A partir daí, as trocações não pararam. A última safe contou com o Bonde, Los Grandes e AmazonCripz. A Onda Laranja garantiu o primeiro Booyah do dia.

https://twitter.com/FFesportsBR/status/1434556272628600832

Queda 2 – Kalahari

BOOYAH: Fluxo (+20 pontos)
Los Grandes: +18 pontos / TSM FTX: +16 pontos

Se os jogadores da TSM haviam caído cedo na primeira passagem por Purgatório, eles se redimiram ao começar o mapa mais quente do Free Fire mandando o Timão direto para o lobby, despachando o Corinthians sem perder nenhum de seus jogadores. Logo em seguida, Xisde e Nitroxx Top10 protagonizaram uma trocação insana. Em um confronto longo e estudado, a equipe de Debbs levou a melhor com direito à triple kill de Ângelo7, que se redimiu com a voz misteriosa depois daquela granada desastrosa de sábado.

Contudo, a Xisde não teve descanso e acabou sendo surpreendida pela SS, que percebeu a trocação e chegou inteira para eliminar a equipe que já tinha sofrido bastante dano e perdido boa parte dos seus recursos.

O final da queda foi palco de um 4×3 muito disputado entre Los Grandes e Fluxo. Mesmo em desvantagem numérica, o Fluxo mostrou que tinha mais bala pra trocar e garantiu o seu Booyah com mais um grande desempenho de Fac e Syaz.

Queda 3 – Bermuda

BOOYAH Corinthians (+18 pontos)
Nitroxx Top10: +16 pontos / SS e-Sports: +12 pontos

Houveram três confrontos dignos de destaque no começo de Bermuda. Começando com o Corinthians, limpando a Netshoes Miners e garantindo o primeiro squad wipe do mapa. Logo em seguida, a VK fez uma trocação intensa contra a Xisde e acabou levando a melhor, mesmo perdendo dois de seus jogadores. Por fim, ainda teve a Amazon Cripz eliminando o Bonde fora das câmeras da transmissão – as famosas jogadas que você não viu.

Já no final da queda, a zona segura acabou fechando no meio de um dos rios do mapa mais clássico do Free Fire. Isso fez com que as equipes sobreviventes tivessem que fazer suas trocações nas beiradas de terra firme, o que proporcionou momentos interessantes.

Nitroxx Top10, Corinthians e SS chegaram ao final dessa disputa insana. Sendo criativo nas rotações e sempre alerta aos tiros vindos de cima de uma das pontes, Ousado garantiu o Booyah para o Timão ao conseguir um bom posicionamento na zona segura – isso tudo dentro da água. Paciência foi o fator determinante para o craque do alvinegro.

Queda 4 – Purgatório

BOOYAH: Bonde (+14 pontos)
Nitroxx Top10: +25 pontos / Corinthians: +11 pontos

A segunda passagem por Purgatório ficou marcada por um começo mais pacífico do que o normal. Apesar das equipes conseguirem algumas eliminações pontuais, foi só aos 15 minutos de jogo que o primeiro time foi parar no lobby

E o final da queda teve um dos maiores plot twists da história da LBFF. A Nitroxx Top10 fez uma partida digna de nota, acumulando 18 abates com grande desempenho de Romeu, e chegou na última safe limpando todo mundo com um rushadão sem freio.

Mas a confiança foi também o maior erro: contando com a vitória cedo demais, a Nitroxx não percebeu que Victor7, último jogador do Bonde, estava fazendo uso de suas habilidades furtivas para passar despercebido pelos adversários. Enquanto a Nitroxx comemorava um suposto Booyah, Victor7, em uma jogada sofisticada, eliminou um a um seus adversários parados e garantiu o Booyah pro Bonde – trabalhado na maldade.

Queda 5 – Kalahari

BOOYAH: Los Grandes (+19 pontos)
Team Codasolid: +14 pontos / Corinthians: +13 pontos

Assim como no mapa anterior, demorou bastante para as coisas esquentarem em Kalahari. 

Mas, uma vez que os times começam a cair, aí a trocação não para mais. E foi assim que a Los Grandes alcançou sua dobradinha. Com rush atrás de rush, eles chegaram na última safe com vantagem numérica. Contudo, os últimos jogadores do Corinthians tinham o domínio do posicionamento privilegiado. O que não foi problema para Gus, que eliminou os últimos jogadores do Timão com um ótimo arremesso de granada.

Queda 6 – Bermuda

BOOYAH: Vivo Keyd (+17 pontos)
SS e-Sports: +19 pontos /Nitroxx Top10: +12 pontos

Na última queda do dia, as equipes trouxeram o mesmo estilo de jogo mais cauteloso – ou preguiçoso, se você considerar que é um final de domingo. Mas novamente vimos vários times caindo um por um em velocidade surpreendente.

Na reta final, sobraram Nitroxx Top10, SS E-sports e Vivo Keyd. As duas primeiras tomaram a frente e protagonizaram uma trocação intensa, e foi a SS que levou a melhor com grande jogada do MTS. Já a Vivo Keyd espreitava de longe, e tiveram paciência para eliminar os últimos jogadores do Suicide Squad, já com pouca vida, e garantiram seu primeiro Booyah na competição. O campeão voltou?

Classificação

Após o final da quarta rodada, a classificação da LBFF 6 ficou assim:

A LBFF 6 volta no próximo sábado, dia 10 de setembro, a partir das 13h (horário de Brasília). Você pode acompanhar as transmissões simultâneas no YouTubeBOOYAH e também no Facebook.

Agora os fãs podem acompanhar a LBFF pelo perfil no TikTok, além dos perfis no FacebookInstagram Twitter. Clique aqui para acessar as fotos oficiais da competição e, para mais novidades, siga a hashtag oficial #LBFF no Twitter.

Free Fire pode ser baixado pela App Store e Google PlayStore.

Categorias: Destaques, Free Fire, LBFF, Série A
Tags: , , , ,