Team-Liquid-souto

Souto avalia início de LBFF 5 da Team Liquid e elogia Los Grandes

Técnico da Liquid, Souto vê início sem muito gás como algo normal e reafirma foco da equipe na classificação, independente da colocação

Mais uma vez a Team Liquid começou a LBFF – Série A com um rendimento não tão próximo do esperado de um time campeão continental. Entretanto, o resultado não afeta a equipe, disse o técnico Matheus Souto ao Free Fire eSports. Com 98 pontos em nono lugar na tabela geral da LBFF 5, a pontuação somada foi o suficiente para dar início à corrida pela classificação para a final, que é o real objetivo da Cavalaria.

Acredito que nosso rendimento foi regular. Abaixo do que somos capazes, mas essa é uma média de pontos que classifica sem preocupação”, afirmou Souto.

Não foram muitas as vezes que a Liquid estreou com o pé direito na LBFF. Os primeiros campeões, entretanto, nunca ficaram de fora de uma decisão. Souto ficou surpreso com o rendimento do time nas duas primeiras quedas, mas não se abalou quando o ritmo caiu. 

Começamos o campeonato com dois segundo lugar e pensei “nunca tínhamos começado o campeonato tão bem”. Mas o resultado não abala, acredito que esse início é mais para adaptação e conhecimento dos novos times”, disse o técnico.

souto liquid lbff
Peuzada e Souto

Los Grandes foi uma surpresa

A LBFF 5 começou em um nível absurdo em relação às demais. Dos 18 times, 16 já fizeram o BOOYAH! na primeira semana. A Team Liquid, junto do Santos, são os únicos dois times que não triunfaram. A adição de uma rodada a mais favorece as estatísticas, mas nunca na história do campeonato, só duas equipes não tinham feito o BOOYAH! em 18 quedas.

O nível fica ainda maior e mais competitivo a cada LBFF que passa. São muitas revelações aparecendo, muitos times bons sendo montados. A LBFF sempre foi muito disputada e nunca deixará de ser”, analisou Souto.

Segundo o técnico, a grande surpresa da semana de estreia foi a Los Grandes, uma das equipes que estava na Série B no Split passado. As boas partidas nas primeiras três rodadas renderam a Los um segundo lugar com 127 pontos, dois a menos que a líder Vivo Keyd e a mesma pontuação do Corinthians, que tem quatro abates a menos e por isso aparece no terceiro lugar.

A equipe que mais me surpreendeu foi a Los Grandes, eu nunca tinha visto eles jogarem assim antes. Parece um time mais maduro e consciente de tudo que faz. Acredito que tem toque do Cauan [ex-técnico do Santos], que chegou na equipe recentemente, e um destaque para o Mamute, que está dando show”, comentou Matheus.

A preparação da Team Liquid

Com o novo formato da LBFF 5, o campeonato foi reduzido a seis semanas. O plano de preparação traçado pela Cavalaria desde o início da competição segue o mesmo, principalmente pela confiança do técnico Souto em seu elenco. O foco vai ser sempre a final e a busca pelo título.

A nossa preparação é sempre a mesma, tenho um time muito maduro e experiente. A gente sempre joga a classificatória para treinar e consertar nossos erros, sem pressão. Não é um início abaixo do esperado que muda nosso plano de jogo, nem nossa mentalidade”, finalizou.

Categorias: Destaques, Free Fire, LBFF, Série A
Tags: , , , , ,